Canal de Denúncias e o final de ano


Mais um final de ano se aproxima. Nada muda na escala do tempo, o minuto continua com 60 segundos, o sol nasce à leste, a atmosfera terrestre mantém os 78% de nitrogênio, o sangue vermelho permanece correndo nas veias dos humanos. Mas, nessa época, o costume impõe refletir sobre a vida, se os objetivos foram ou não alcançados, quais os planos para o futuro... como se houvesse uma varinha mágica, para converter a realidade num mundo maravilhoso, ao sabor dos contos de fadas.


Não se pretende tirar o encanto nem a esperança de dias melhores. Pelo contrário, o otimismo deve ser o padrão em todas as perspectivas, tal como a da ética em nosso país, com a celebração do progresso observado, mesmo lamentando os percalços ocorridos que, aos poucos, serão vencidos.


O canal de denúncia consiste num ótimo sinal da espetacular mudança cultural no ambiente corporativo. O inimaginável há 10 anos passou a fazer parte, hoje, de um contexto cada vez mais presente nas corporações.


Inaceitável admitir uma grande empresa operar sem um canal de denúncia terceirizado, profissional, com atendimento presencial 24 horas por dia, com sistemas de segurança, confidencialidade e proteção dos manifestantes, além de uma estrutura treinada e qualificada para apurar todas as alegações e aplicar as consequências pertinentes nos casos confirmados, proporcionando o conhecimento de irregularidades, fraudes, roubos, má condutas, até então camuflados, e a sua blindagem para evitar novas ocorrências.


A relevância do tema e a sua aplicabilidade para todas as instituições, independentemente do seu porte ou natureza, contribuíram para torná-lo acessível para as menores. Não se trata de uma solução de baixa qualidade, mas sim, de uma adequação dos preços conforme o uso. Desta forma, as mesmas funcionalidades, tecnologia, atendimento e profissionalismo dispensados, por exemplo, para gigantes como Petrobras, Caixa Econômica, Rede Globo, são colocados ao alcance de empresas com 5, 10, 30 funcionários.


A democratização dessa ferramenta permite a todos usufruírem de seus benefícios, corroborando essa mudança de paradigma, inclusive, na abordagem do assunto no mercado. Praticamente, não se ouvem mais sugestões sobre a famosa “caixinha de papelão no banheiro” ou o telefone na mesa de um ouvidor interno. As soluções inapropriadas, inócuas, inefetivas transformam uma ótima medida em desperdício de recursos, descrença e percepção pelos funcionários de eventual interesse mesquinho vindo de cima: a promoção de um sistema de fachada. Ou seja, efeitos contrários aos desejados e, por isso, ideia assim vem sendo abandonada.


Progressivamente, percebe-se um avanço significativo na cultura da integridade organizacional, entretanto, não de forma derradeira. O caminho ainda é longo e muito esforço será demandado.


O desconhecimento dos reais benefícios do canal de denúncia e dos sistemas de Compliance, a escassez de especialistas, a ainda pequena disseminação do tema para as micro e pequenas empresas são alguns dos desafios a serem vencidos. Aliás, cabe enfatizar: esse é um combustível necessário e muito relevante para a sobrevivência de todas as organizações. Dessa maneira, o alerta mais importante do presente artigo é: “despertem, porque só acordar é muito pouco, antes que seja tarde demais!”


As soluções acertadas existem e nós, profissionais de Compliance, temos a missão de ajudar e orientar os verdadeiros interessados.


Portanto, retorno à reflexão do ano novo, sugerindo adicionar a ética, integridade e Compliance nas suas listas, não apenas para construir um Brasil melhor, mas também para assegurar sustentabilidade da sua companhia, garantir um sono mais tranquilo para você e melhorar a qualidade de vida de todos nós.


Tim-Tim, saúde e feliz 2020!

Wagner Giovanini é especialista em Compliance e sócio-diretor da Compliance Total e Contato Seguro. Autor do livro “Compliance – a excelência na prática”, desenvolveu a Compliance Station®, plataforma inovadora para a implementação e execução do Compliance em micro e pequenas empresas. Para mais informações e conteúdos sobre o tema, acesse www.compliancetotal.com.br e https://www.linkedin.com/company/9299759/ .

Publicado em 30/12/19. Acesse: https://www.linkedin.com/pulse/canal-de-den%C3%BAncias-e-o-final-ano-wagner-giovanini/

Entre em contato
com nossos especialistas em Compliance

A Compliance Total dispoe de um time de executivos pronto para atendê-lo, ajudando você e sua empresa na identificação das melhores soluções personalizadas em compliance. Contate-nos.


Sede São Paulo

+55 11 5181.0545 | +55 11 5181.1862 | Av. Dr. Chucri Zaidan, 1550 / conjunto 2502 CEP 04711-130 | São Paulo/SP | Brasil

Sede Porto Alegre

+55 51 3086.1800 | Av. Carlos Gomes, 466 / conjunto 501 CEP 90480-000 | Porto Alegre/RS | Brasil

Pessoa Jurídica    Pessoa Física

Voltar
ao topo